English Espaol

Buscar artigos: em     Busca Avançada

RGO - Revista Gaúcha de Odontologia > Vol. 57, N° 3 (2009)

open journal systems


Mucosite oral: perspectivas atuais na prevenção e tratamento / Oral mucositis: recent perspectives on prevention and treatment

Paulo Sérgio da Silva SANTOS
Ana Cristina MESSAGGI
Andrea MANTESSO
Marina Helena Cury Gallottini de MAGALHÃES



Resumo

A mucosite oral é resultante de toxicidade e um dos efeitos colaterais mais comuns da radioterapia e da quimioterapia, no tratamento oncológico e para o transplante de células tronco hematopoiéticas. Clinicamente estas alterações se caracterizam por atrofia epitelial, edema, eritema e pelo aparecimento de ulcerações, que podem acometer toda a mucosa bucal, gerando dor e desconforto, prejudicando a fala, a deglutição e a alimentação. Além da importante sintomatologia, as ulcerações aumentam o risco de infecção local e sistêmica, comprometem a função oral e interferem no tratamento antineoplásico, podendo levar à sua interrupção. O diagnóstico, prevenção e estratégias terapêuticas de suporte à mucosite oral são de competência do cirurgião-dentista. Através de análise crítica da literatura, o presente trabalho busca apresentar a mucosite oral, sua etiopatogenia, características clínicas e  tratamentos propostos nos dias atuais para a sua resolução ou controle, destacando a importância da atuação do cirurgião-dentista no manejo desta entidade.
 
Termos de indexação: assistência odontológica para doentes crônicos; estomatite; oncologia; quimioterapia.


Abstract

Oral mucositis is a result of toxicity and one of the most common side effects of radiotherapy and chemotherapy in cancer treatment and in hematopoietic stem cell transplantation. Clinically these changes are characterized by epithelial atrophy, edema, erythema and the appearance of ulcerations that can affect the entire oral mucosa, causing pain and discomfort, impairing speech, and swallowing food. In addition to the major symptoms, the ulcers increase the risk of local and systemic infection, compromising function and interfering with oral antineoplastic treatment and may lead to it being discontinued. The diagnosis, prevention and therapeutic strategies in providing support in cases of oral mucositis are the dentist’s responsibility. Through critical analysis of literature, the aim of this article is to present oral mucositis, its pathogenesis, clinical features and treatments offered today to address or control the condition, highlighting the importance of dentists’ role in its management.

Indexing terms: dental care for chronically Ill; stomatitis; medical oncology; drug therapy.


Texto completo: PDF



Research
Support Tool
  For this
avaliação pelos pares
  Context
  Action

Capa | Atual | Arquivos | Sobre | Avisar | Contato | Buscar | Acesso