English Espaol

Buscar artigos: em     Busca Avançada

RGO - Revista Gaúcha de Odontologia > Vol. 56, N° 1 (2008)

open journal systems


Limpeza em limas endodônticas pós-uso e pré-esterilização

Cristina de Jesus REISS ARAÚJO
Diana Santana ALBUQUERQUE
Sinara Saúde ARAÚJO
Marcelo Azevedo RIOS
Maria de Lourdes PORTELLA



Resumo

Objetivos: Avaliar a eficácia de dois métodos para limpeza de limas endodônticas: manual e com utilização de cuba ultrassônica.
Método: Sessenta e seis limas endodônticas foram utilizadas no preparo de canais radiculares e posteriormente divididas em três grupos: 1) limpeza manual; 2) limpeza com ultra-som; 3) limas utilizadas nos pacientes que não foram limpas (controle positivo).
Resultados: A análise estatística mostrou que no caso das limas limpas manualmente o percentual de limpeza foi de 0,4% enquanto que o de sujidade foi de 99,6%. No caso da limpeza ultrassônica o percentual de limpeza foi de 49,21% enquanto que o de sujidade foi de 50,79%.
Conclusão: O resultado mais satisfatório foi a utilização do ultra-som, tendo como sugestão após o ultra-som a escovação, a utilização do sabão líquido, água e secagem para uma limpeza adequada das limas endodônticas.
Termos de indexação: instrumentos odontológicos; endodontia; esterilização.


Texto completo: PDF



Research
Support Tool
  For this
avaliação pelos pares artigo
  Context
  Action

Capa | Atual | Arquivos | Sobre | Avisar | Contato | Buscar | Acesso