English Espaol

Buscar artigos: em     Busca Avançada

RGO - Revista Gaúcha de Odontologia > Vol. 57, N° 3 (2009)

open journal systems


Tratamento restaurador atraumático em cavidades atípicas / Atraumatic restorative treatment in atypical cavities

Letícia Simino CARVALHO
Janaína Merli ALDRIGUI
Clarissa Calil BONIFÁCIO
José Carlos Pettorossi IMPARATO
Daniela Prócida RAGGIO



Resumo

O tratamento restaurador atraumático tem sido bem difundido entre os profissionais da área de Odontopediatria. Essa técnica restauradora está inserida na filosofia de mínima intervenção e é considerada como uma das mais conservadoras, pois há somente a realização da remoção do tecido dentinário infectado. Além disso, o tratamento restaurador atraumático mostra-se menos doloroso que a técnica convencional, sendo a anestesia raramente requerida. Após a remoção do tecido dentário infectado, realiza-se o preenchimento das cavidades com o cimento ionômero de vidro, material que possui capacidade antimicrobiana, bom selamento marginal e liberação e recarga de flúor constante. Apesar do aumento no número de estudos sobre esse tratamento, somente trabalhos com restaurações em cavidades oclusais mostram evidências científicas sobre a técnica. O objetivo deste trabalho é relatar o caso clínico de um paciente com grandes destruições nos dentes decíduos, o qual foi submetido ao tratamento restaurador atraumático e observar o resultado da técnica após um ano de acompanhamento clínico e radiográfico.

Termos de indexação: dentição primária; materiais dentários; restauração dentária permanente.


Abstract

The atraumatic restorative treatment has been widely divulged among professionals in the area of Pediatric Dentistry. This restorative technique is included in the philosophy of Minimal Intervention and is considered one of the most conservative treatments, because only the layer of infected dentin caries is removed. Moreover, the atraumatic restorative treatment has been shown to be less painful than conventional approaches, and local anesthesia is rarely required. After the removal of the infected dentin, the cavities are filled with glass ionomer cement, a material that has antimicrobial capacity, good marginal sealing and constant fluorine release and recharge. In spite of the increasing number of studies about atraumatic restorative treatment, only studies related to restorations in occlusal cavities have shown scientific evidences about the technique. The aim of this study was to evaluate the feasibility of atraumatic restorative treatment in cavities with 3 or more surfaces involved, by means of a clinical case report of a patient with extensive dstruction in primary teeth, who was submitted to atraumatic restorative treatment, and observe the result of the treatment after 1 year of clinical and radiographic control.

Indexing terms: primary dentition; dental materials; dental restoration permanent.


Texto completo: PDF



Research
Support Tool
  For this
avaliação pelos pares
  Context
  Action

Capa | Atual | Arquivos | Sobre | Avisar | Contato | Buscar | Acesso