English Espaol

Buscar artigos: em     Busca Avançada

RGO - Revista Gaúcha de Odontologia > Vol. 59, N° 3 (2011)

open journal systems


Cárie, acúmulo de biofilme e nível socioeconômico de mulheres e crianças assistidas pela Estratégia de Saúde de Família / Caries, biofilm build-up and socioeconomic level of women and children cared for under the Family Health Strategy

Marina de Almeida ROMANINI
Alessandro Diogo de CARLI
Valéria Rodrigues de LACERDA
Elenir Rose Jardim Cury PONTES
Janaína Rodrigues Lopes da SILVA
Luana Bertagnolli GONÇALVES



Resumo

Objetivo
Verificar a relação existente entre a prevalência de cárie, acúmulo de biofilme dental e nível socioeconômico de mães e filhos cadastrados na Estratégia de Saúde da Família em Campo Grande, Mato Grosso do Sul, Brasil.

Métodos
Neste estudo transversal foram examinadas 80 mulheres e 80 crianças (n=160), provenientes de famílias cadastradas nas seguintes unidades de saúde: Jardim Noroeste (Norte), Jardim Los Angeles (Sul), Maria Aparecida Pedrossian (Leste) e Serradinho (Oeste). Os índices CPO-D e ceo-d foram utilizados para a verificação da prevalência de cárie, o IHO-S para a análise do acúmulo de biofilme e um questionário socioeconômico foi realizado para o inquérito desse aspecto.

Resultados
Verificou-se que 74% dos participantes residem em casa própria e utilizam serviço odontológico público; nas mães, observou-se CPO-D=17,44 e IHO-S=1,45; nas crianças de 12 anos o CPO-D foi de 1,80 e nas de 6 a 11 anos o ceo-d e o CPO-D foram de 2,08 e 0,68, respectivamente; o IHO-S=1,35 geral das crianças.

Conclusão
Não houve relação significativa entre a prevalência de cárie, acúmulo de biofilme e o nível socioeconômico da população estudada.

Termos de indexação: Cárie dentária. Classe social. Placa dentária.


ABSTRACT

Objective
To analyze the relationship between prevalence of caries, build-up of dental biofilm and socioeconomic level of mothers and children enrolled in the Family Health Strategy in Campo Grande (Mato Grosso do Sul).

Methods
In this cross sectional study, 80 women and 80 children (n = 160) were examined. They came from families enrolled in the following health care clinics: Jardim Noroeste (North), Jardim Los Angeles (South), Maria Aparecida Pedrossian (East) and Serradinho (West). The DMFT and dmf-t scores were used to analyze prevalence of caries; SOHI was used to detect dental biofilm build-up. The families filled in a questionnaire about their socioeconomic situation.

Results
Seventy-four per cent of the families live in their own houses and get assistance from the public dental service. Mothers presented DMFT=17.44 and SOHI=1.45. In children aged 12, DMFT was 1.80 and in those aged 6 to 11, dmf-t and DMFT were 2.08 and 0.68, respectively. The overall SOHI in children was 1.35.

Conclusion
There was no significant correlation between prevalence of caries, biofilm build-up and the socioeconomic level of the population under study.

Indexing terms: Dental caries. Social class. Dental plaque.


Texto completo: PDF



Research
Support Tool
  For this
avaliação pelos pares artigo
  Context
  Action

Capa | Atual | Arquivos | Sobre | Avisar | Contato | Buscar | Acesso