English Espaol

Buscar artigos: em     Busca Avançada

RGO - Revista Gaúcha de Odontologia > Vol. 59, N° 2 (2011)

open journal systems


Inserção dos egressos do curso de odontologia no mercado de trabalho / Introduction of newly graduated dentistry students into the job market

Virgínia Costa PINHEIRO
Léa Maria Bezerra de MENEZES
Andréa Silvia Walter de AGUIAR
Walda Viana Brígido de MOURA
Maria Eneide Leitão de ALMEIDA
Filomena Maria da Costa PINHEIRO



Resumo

Objetivo
Analisar o mercado de trabalho dos recém-egressos do curso de Odontologia da Universidade Federal do Ceará, da Faculdade de Farmácia, Odontologia e Enfermagem.

Métodos
Traçou-se o perfil sócio-demográfico dos dentistas recém-egressos do curso de 2007, verificando a situação profissional, a jornada de trabalho, tipo de inserção no trabalho e a satisfação com relação ao mercado de trabalho. Trata-se de um estudo de natureza descritiva e exploratória com abordagem quantitativa. A coleta de dados foi realizada de abril a junho de 2009. Foi aplicado um questionário aos participantes que se encontraram com a pesquisadora por ocasião do III Congresso Internacional de Odontologia do Ceará ocorrido em Fortaleza, de 13 a 17 de maio de 2009. Aos demais, o questionário foi enviado via Correios.

Resultados
Dos de 67 profissionais que concluíram o curso no ano de 2007, na Universidade Federal do Ceará, e já possuíam sua inscrição no Conselho Regional de Odontologia, seção Ceará, 41 (61,19%) responderam o questionário. Desses, 78,0% eram do sexo feminino. A faixa etária situou-se entre 22 e 28 anos e possuíam renda mensal de 3 a 5 salários-mínimos 60,9%, com uma jornada de trabalho entre 31 e 40 horas semanal (75,7%) e 46,5% estão no setor público. A maioria dos profissionais (95,0%) conseguiu inserção nos primeiros meses; 78,0% perceberam o mercado como bom e normal e 82,9% mostram-se satisfeitos com a profissão.

Conclusão
Concluiu-se que o mercado de trabalho dos cirurgiões-dentistas no Ceará ainda não está saturado.

Termos de indexação: Mercado de trabalho. Prática profissional. Recursos humanos em Odontologia.


ABSTRACT

Objective
This study aimed to analyze the job market for newly graduated dentistry students form the Federal University of Ceará, School of Pharmacy, Dentistry and Nursing.

Methods
The sociodemographic profile of dentists of the class of 2007 was investigated to determine their professional status, work shift, type of work and satisfaction with the work market. This is a descriptive and exploratory study with a quantitative approach. Data were collected from April to June 2009. A questionnaire was administered to the participants who met the researcher during the III International Dentistry Congress of Ceará, which took place in Fortaleza from May 13 to 17, 2009. The other students received the questionnaire by mail.

Results
Of the 67 professionals who graduated in 2007 from Federal University of Ceará and registered their practice at the Regional Council of Dentistry, Section Ceará, 41 answered the questionnaire (61.19%). Of these, 78% were females. The ages ranged from 22 to 28 years. Most professionals (60.9%) had a monthly income of 3 to 5 minimum wages, that is, to 1695 USD. The working week of 75.7% of the sample ranged from 31 to 40 hours and 46.5% were in the public sector. Most professionals (95,0%) found a job in the first months, 78,0% perceived the market as good and normal and 82.9% were satisfied with the profession.

Conclusion
The results of this study indicate that the dentistry market of Ceará is not yet saturated.

Indexing terms: Job market. Professional practice. Dental staff.


Texto completo: PDF



Research
Support Tool
  For this
avaliação pelos pares artigo
  Context
  Action

Capa | Atual | Arquivos | Sobre | Avisar | Contato | Buscar | Acesso