English Espaol

Buscar artigos: em     Busca Avançada

RGO - Revista Gaúcha de Odontologia > Vol. 59, N° 2 (2011)

open journal systems


Práticas de pais sobre a higiene bucal e dieta de pré-escolares da rede pública / Parents’ practices regarding the oral hygiene and diet of preschoolers attending public schools

Jainara Maria Soares FERREIRA
Itamar Falcão BEZERRA
Raquel Ellen Soares da CRUZ
Ítala Tarciane de Almeida VIEIRA
Valdenice Aparecida MENEZES
Ana Flávia GRANVILLE GARCIA



Resumo

Objetivo
Avaliar práticas de pais - responsáveis de pré-escolares -, na faixa etária de 2 a 5 anos da rede pública de João Pessoa, em relação à higiene bucal e dieta de seus filhos.

Métodos
O estudo foi observacional descritivo, sendo a amostra estratificada e proporcional ao número de pólos político-administrativos de João Pessoa (n=391). A coleta de dados foi realizada por meio de questionário contendo questões objetivas e os dados coletados foram trabalhados sob forma de estatística descritiva.

Resultados
Verificou-se que 70,1% dos pesquisados afirmaram haver recebido informações sobre higiene bucal da criança e principal fonte de informação citada foi o cirurgião-dentista (55,8%). Com relação à dieta da criança, 66,0% destas possuíam dieta cariogênica, 11,8% eram amamentadas e 47,8% faziam uso de mamadeiras. Quase a totalidade das crianças possuía escova (99,2%) e creme dental (96,4%) e 97,7% dos responsáveis limpavam a boca de seus filhos, sendo a forma mais citada a escova e o creme dental (79,1%). Os pais eram responsáveis pela escovação dentária das crianças na maior parte dos casos (76,2%). Dos participantes, 63,4% relataram iniciar a escovação dentária das crianças até 1 ano de idade e apenas 27,9% cobriam menos da metade as cerdas da escova neste momento.

Conclusão
Faz-se necessário a implementação de programas de educação continuada sobre risco de cárie em relação à dieta da criança e risco de fluorose dentária devido ao uso do dentifrício fluoretado.

Termos de indexação: Educação em saúde bucal. Odontopediatria. Pré-escolar.


ABSTRACT

Objective
This study assessed the practices of parents/guardians regarding the oral hygiene and diet of preschool children aged 2 to 5 years attending public schools in Joao Pessoa.

Methods
This was an observational, descriptive study. The sample was stratified and proportional to the number of political and administrative districts of João Pessoa (n = 391). An objective questionnaire was used to collect data, which were then processed by descriptive statistics.

Results
Most interviewees (70.1%) reported that their main source of information on children’s oral hygiene was the dentist (55.8%). Regarding diet, 66.0% of the children consumed a cariogenic diet, 11.8% were breastfed and 47.8% were bottle-fed. Almost all the children had a toothbrush (99.2%) and toothpaste (96.4%) and 97.7% of the caregivers cleaned their children’s mouths, usually with a toothbrush and toothpaste (79.1%). The parents were normally the ones who brushed the children’s teeth (76.2%). Most (63.4%) participants reported starting to brush their children’s teeth before the child’s first birthday and only 27.9% covered less than half the bristles of the brush at this time.

Conclusion
Ongoing education programs on diet-related risk of caries and risk of dental fluorosis secondary to fluoridated toothpaste need to be implemented.

Indexing terms: Health education dental. Pediatric dentistry. Child preschool.


Texto completo: PDF



Research
Support Tool
  For this
avaliação pelos pares artigo
  Context
  Action

Capa | Atual | Arquivos | Sobre | Avisar | Contato | Buscar | Acesso