English Espaol

Buscar artigos: em     Busca Avançada

RGO - Revista Gaúcha de Odontologia > Vol. 58, N° 4 (2010)

open journal systems


Mordida aberta anterior e sua associação com o hábitos de sucção não-nutritiva em pré-escolares / Prevalence of anterior open bite and its association with non-nutritive sucking habits in preschoolers

Candice Regadas GONDIM
Mariângela de Araújo BARBOSA
Renata Moura Xavier DANTAS
Eduardo Dias RIBEIRO
Andreza Cristina de Lima Targino MASSONI
Wilton Wilney Nascimento PADILHA



Resumo

Objetivo: Observar a prevalência de mordida aberta anterior entre os pré-escolares do município de Patos, Paraíba, verificando a sua associação com os hábitos de sucção não-nutritiva. Métodos: Este estudo caracterizou-se como transversal e observacional, com enfoque quantitativo, o qual contou com uma amostra representativa de 140 pré-escolares entre 4 e 5 anos de idade, de ambos os gêneros e com dentição decídua completa, matriculados em creches municipais da cidade de Patos, Paraíba. O estudo foi realizado em duas etapas. Na primeira etapa os pais assinaram o termo de consentimento livre e esclarecido, aplicou-se um questionário para coletar informações sobre hábitos de sucção não-nutritiva e práticas de aleitamento da criança. Na segunda etapa fez-se o exame intra-bucal da criança, avaliando a ocorrência de mordida aberta anterior. Os dados obtidos foram trabalhados no Programa SPSS versão 13.0., sendo utilizadas técnicas de estatística descritiva e inferencial (teste qui-quadrado). Resultados: A prevalência de mordida aberta anterior encontrada na população investigada foi de 27,9%, estando a sua ocorrência associada ao tempo de amamentação natural (p<0,001), ao tempo de uso da mamadeira (p=0,025) e à sucção de chupeta (p<0,001), principalmente se esta continuou após os 3 anos de idade (p<0,001) e se foi constante (p<0,001). Conclusão: A prevalência de mordida aberta anterior foi baixa entre os pré-escolares do município de Patos, Paraíba, estando associada à sucção de chupeta quando esta ocorreu no período após os 3 anos de idade e de forma constante.

Termos de indexação: Dentição primária. Mordida aberta. Sucção de dedo.


ABSTRACT

Objective: Investigated the association between anterior open bite and non-nutritive sucking habits in preschoolers of Patos, Paraíba, Brazil. Methods: This observational, quantitative, cross-sectional study included 140 preschoolers aged 4 to 5 years, of both genders, with complete set of primary teeth, attending public daycare facilities of the city of Patos, Paraíba. The study was done in two stages. In the first stage, the parents signed a free and informed consent form and answered a questionnaire on the non-nutritive sucking habits and feeding practices of the child. In the second stage, the oral cavity was examined to determine if the child had an anterior open bite. The data were processed by the software SPSS version 13.0 using descriptive and inferential (chi-square test) statistics. Results: The prevalence of anterior open bite in the studied population was 27.9%. Its occurrence was associated with breastfeeding duration (p<0.001), prolonged bottle-feeding (p=0.025) and use of pacifiers (p<0.001), especially if pacifiers were used regularly (p<0.001) after the child’s third year of life (p<0.001). Conclusion: The prevalence of anterior open bite was low in preschoolers of Patos, Paraíba. It was mostly associated with the regular use of a pacifier after the third year of life.

Indexing terms: Primary dentition. Open bite. Fingersucking.


Texto completo: PDF



Research
Support Tool
  For this
avaliação pelos pares artigo
  Context
  Action

Capa | Atual | Arquivos | Sobre | Avisar | Contato | Buscar | Acesso