English Espaol

Buscar artigos: em     Busca Avançada

RGO - Revista Gaúcha de Odontologia > Vol. 58, N° 4 (2010)

open journal systems


Influence of Ormocer™ component on the performance of dentin adhesive systems / Influência do componente Ormocer® no desempenho de sistemas adesivos dentinários

Fabrício Mezzomo COLLARES
Fabrício Aulo OGLIARI
Vicente Castelo Branco LEITUNE
Susana Maria WERNER SAMUEL



Resumo

ABSTRACT

Objective: Evaluate the influence of Ormocer™ component on the performance of dentin adhesive systems. Methods: Microtensile bond strength test in adhesion of adhesive and dentin and characterization of the adhesive interface was done. As control, an adhesive system based on a traditional monomeric system was used. The teeth were embedded in acrylic resin and had their vestibular enamel removed in order to expose the dentin surface closer to the enamel. The exposed dentin was polished with 600 SiC sandpaper for 30s in running water to produce a standardized smear layer. Lower bovine incisors were used in this study, divided in two groups, according the adhesive system used: Ormocer™ based adhesive system and Solobond M adhesive system. On the polymerized adhesive two increments of composite resin were placed to cover the dentin surface completely. After storage for 24 hours in distilled water at 37ºC, the samples were cut to produce two sticks for each tooth, with adhesive interface area of approximately 0.5mm2. Microtensile bond strength values are shown in MPa and fracture analysis with SEM was classified as adhesive, cohesive or mixed. Results: There were no significant differences between Ormocer™ group: 45.11(±14.24) and Solobond M group: 47.36(±11.51), Student’s t test (p<0.05). The predominant failure pattern was mixed for the two groups. Conclusion: The incorporation of Ormocer™ into dentin adhesives, in comparison with the conventional adhesive system tested did not influence the immediate bond strength.

Indexing terms: Dentin-bonding agents. Scanning electron microscopy. Tensile strength.


RESUMO

Objetivo: Avaliar a influência do Ormocer® no desempenho de adesivos dentinários. Métodos: Foi realizado o ensaio de microtração para se obter a resistência de união entre o adesivo e a dentina. A caracterização da interface também foi realizada. Como controle, utilizou-se um método de adesivo baseado em um sistema monomérico tradicional. Os dentes foram embutidos em resina acrílica e tiveram o esmalte vestibular removido para expor a dentina superficial que foi abrasionada com lixa d’água granulação 600 em água corrente, por 30 segundos para padronizar uma camada de lama dentinária. Neste estudo, foram utilizados incisivos inferiores bovinos divididos em dois grupos, de acordo com o sistema adesivo empregado: sistema adesivo com Ormocer® e o sistema adesivo convencional Solobond M. Sobre o adesivo polimerizado foram colocados dois incrementos de resina composta, cobrindo toda a superfície da dentina. Após a polimerização da resina, os dentes foram armazenados em água destilada a 37ºC por 24 horas e então seccionados, produzindo dois palitos por dente, com área adesiva de aproximadamente 0,5mm2. Os valores obtidos no ensaio de microtração são mostrados em megapascals e as fraturas analisadas em microscopia eletrônica de varredura são classificadas como adesivas, coesivas ou mistas. Resultados: Não foi encontrada diferença estatisticamente significativa entre os grupos Ormocer® e Solobond M (p>0,05), sendo os valores de 45,11(±14,24) e 47,36(±11,51), respectivamente. O padrão de fratura foi em sua maioria mista. Conclusão: A adição do componente Ormocer® não influenciou na resistência de união imediata à dentina quando comparado a um sistema adesivo convencional.

Termos de indexação: Adesivos dentinários. Microscopia eletrônica de varredura. Resistência à tração.


Texto completo: PDF



Research
Support Tool
  For this
avaliação pelos pares artigo
  Context
  Action

Capa | Atual | Arquivos | Sobre | Avisar | Contato | Buscar | Acesso