English Espaol

Buscar artigos: em     Busca Avançada

RGO - Revista Gaúcha de Odontologia > Vol. 54, N° 2 (2006)

open journal systems


Aplicação do índice de dificuldade na técnica de Straight-Wire

Léa Maria DALLANORA
Renato Castro de ALMEIDA
Maria Helena Castro de ALMEIDA
Rodrigo CECANHO



Resumo

É sabido que o tempo de tratamento está diretamente ligado ao grau de dificuldade de cada caso ortodôntico, independente da técnica ou filosofia empregada. O conhecimento sobre a previsão de tempo de tratamento é muito importante, tanto para o profissional, quanto para os pacientes. Apesar do Índice de Dificuldades ter sido desenvolvido a partir dos estudos de casos tratados pela técnica “Edgewise” sistema “ten-two” da “Fundação Tweed”, acreditamos ser possível utilizá-lo, com sucesso, em outras técnicas ortodônticas, como, por exemplo, no sistema “Straight-Wire”, com a finalidade de estimar o tempo de tratamento. O objetivo desta pesquisa foi verificar a possibilidade de utilização do Índice de Dificuldades pode ser utilizado pelos ortodontistas que praticam a técnica “Straight-Wire”. Para tanto utilizamos uma amostra composta de 90 documentações ortodônticas, de indivíduos leucodermas de ambos os gêneros (57 do gênero feminino e 33 do gênero masculino), com idade variando de 10 a 30 anos. Aplicamos o Índice de Dificuldades para classificar a severidade dos casos tratados, quando obtivemos 34 casos classificados como suave, 40 casos considerados como moderado e 16 classificados como severo. Após analisarmos os dados coletados e discutirmos os resultados da análise estatística, pudemos concluir que, foi possível utilizarmos o Índice de Dificuldades em casos tratados pela técnica “Straight Wire”, de modo a agrupar os casos conforme a severidade das maloclusões, a fim de estimar o tempo necessário para a finalização dos tratamentos ortodônticos. A saber: para o tratamento dos casos classificados como suave (0 a 60) foram necessários, em média, 26,1 meses para concluir o tratamento; para os casos considerados moderados (60 a 120) utilizamos, em média, 29,2 meses; e para as maloclusões classificadas como severas (acima de 120) necessitamos de 32,6 meses de tratamento, em média.

Termos de Indexação: índice de dificuldades; maloclusão; grau de severidade; tempo de tratamento.


Texto completo: PDF



Research
Support Tool
  For this
avaliação pelos pares artigo
  Context
  Action

Capa | Atual | Arquivos | Sobre | Avisar | Contato | Buscar | Acesso