English Espaol

Buscar artigos: em     Busca Avançada

RGO - Revista Gaúcha de Odontologia > Vol. 58, N° 2 (2010)

open journal systems


Prevalência de edentulismo em descendentes de pomeranos / Prevalence of edentulism in descendents of pomeranians

Núbia MOREIRA
Rosilene Guimarães FERRAZ
Ana Maria Martins GOMES
Antonio Augusto GOMES



Resumo

Objetivo: Avaliar a prevalência de indivíduos com arcadas edentadas e o uso de prótese total na população de Tijuco Preto, no Município de Domingos Martins), região de residência e economia basicamente rural, nas montanhas do estado do Espírito Santo, local onde predominam descendentes da colonização alemã (pomeranos). Métodos: Os dados foram obtidos a partir de um levantamento epidemiológico realizado em 2006 examinando 186 indivíduos escolhidos de maneira aleatória, 76 indivíduos do gênero masculino e 110 do gênero feminino. Neste estudo descritivo foi realizada uma entrevista seguida de exame clínico. Resultados: O edentulismo estava presente em 73,1% da população. O gênero feminino (10,8%) possuía a mais arcadas edentadas que o masculino. Quanto às arcadas edentadas, 136 eram na maxila e 56 na mandíbula. Quanto ao uso das próteses, apenas 8,3% dos indivíduos edentados não as utilizavam, sendo 14 na mandíbula e 2 na mandíbula e maxila. Os usuários de prótese usavam a mesma prótese por períodos de 10, 20 e 30 anos que correspondiam respectivamente a 48,5%, 29,1% e 10,4%. As próteses totais em uso foram confeccionadas em 97,01%, por profissionais ilegais, dessas 95,4% estavam insatisfatórias. Conclusão: A prevalência de edentulismo é muito alta, mesmo na população jovem. O edentulismo está associado ao gênero feminino e está mais presente na maxila do que na mandíbula. O uso de prótese total é mais frequente na arcada edentada superior que na inferior e o seu tempo de uso é de mais de 10 anos. A maioria dos usuários de prótese total desejava trocá-las e foram confeccionadas por dentistas práticos e não foi considerada satisfatória.

Termos de indexação: arcada edentada; epidemiologia; prótese total.


ABSTRACT

Objective: The objective of this study was to assess the prevalence of edentulism and use of complete dentures in the population of Tijuco Preto, located in municipality of Domingos Martins, a region of rural houses and economy in the mountains of the estate of Espírito Santo, where descendants of Pomeranian Germans predominate. Methods: An epidemiological survey done in 2006 was used to collect data of 186 randomly selected individuals (76 males and 110 females). This descriptive study consisted of an interview followed by clinical examination. Results: Most of the population (73.12%) presented edentulism. Females had 10.17% more edentulous jaws than males. Edentulism was more common in the maxilla (136) than in the mandible (56). Only 8.3% of the sample did not wear prostheses, being 14 in the mandible and two in both jaws. From the entire sample, 48.14%, 29.1% and 10.4% had worn the same prostheses for 10, 20 and 30 years, respectively. Nearly all the dentures (97.01%) had been made by uncertified professionals and 95.38% were ill-fitting. Conclusion: The prevalence of edentulism is very high, even among the young. Edentulism is associated with the female gender and is more common in the upper jaw than in the lower jaw. The use of complete dentures is more common in the upper jaw than in the lower jaw and they are used for more than 10 years. Most of the denture wearers wished to replace them since most of the complete dentures had been made by uncertified professionals and were considered unsatisfactory.

Indexing terms: jaw edentulous; epidemiology; denture complete.


Texto completo: PDF



Research
Support Tool
  For this
avaliação pelos pares
  Context
  Action

Capa | Atual | Arquivos | Sobre | Avisar | Contato | Buscar | Acesso