English Espaol

Buscar artigos: em     Busca Avançada

RGO - Revista Gaúcha de Odontologia > Vol. 60, N° 4 (2012)

open journal systems


Should an asymptomatic unerupted mandibular molar be removed? / Um dente incluso assintomático deve ser removido?

Evandro Neves ABDO
Marcelo Drummond NAVES
Maria Cássia Ferreira de AGUIAR
Ricardo Alves MESQUITA



Resumo

ABSTRACT

The purpose of this paper is to present a clinical case of a dentigerous cyst and to discuss the need to remove the asymptomatic, unerupted teeth. A 58-year-old white woman presented for removal of an asymptomatic unerupted left mandibular second molar. A periapical radiograph revealed a horizontal intra-alveolar unerupted second molar and the absence of the third molar. The second molar had a follicular space of less than 0.5 mm. The age of the patient, the absence of symptoms and the risk of losing the first molar during the surgery were sufficient for the patient to choose to undergo periodic checkups. In the 2nd year of checkups, the development was noted of a dentigerous cyst in the second molar. The dental surgeons must assess the risks involved in putting off surgery, the benefits to the patient and be aware of the need for periodic checkups at short intervals of time in cases of non-removal of the unerupted teeth. Also, it is important to be aware that it is not possible to predict whether or not certain pathologies might occur if they are not removed.

Indexing terms: Dentigerous cyst. Surgery oral. Unerupted tooth.


RESUMO

O caso clínico de um cisto dentígero e a discussão da necessidade de se remover ou não um dente incluso assintomático são apresentados. Uma paciente de 58 anos de idade apresentou-se para a remoção de um segundo molar inferior incluso, assintomático. Uma radiografia periapical revelou um segundo molar inferior incluso, horizontalmente e a ausência do terceiro molar. O folículo dental do segundo molar era menor que 0,5 mm. Em função da idade, do dente ser assintomático e da possibilidade de perda do primeiro molar durante a cirurgia optou-se pelo controle periódico. No segundo ano de controle constatou-se a formação de um cisto dentígero no segundo molar incluso. Os cirurgiões devem avaliar o risco de uma cirurgia tardia, os benefícios ao paciente e estarem conscientes da necessidade de um controle periódico. É importante também ter o conhecimento que é impossível predizer se alguma alteração irá ocorrer se o dente não for removido.

Termos de indexação: Cisto dentígero. Cirurgia bucal. Dente incluso.


Texto completo: PDF



Research
Support Tool
  For this
avaliação pelos pares
  Context
  Action

Capa | Atual | Arquivos | Sobre | Avisar | Contato | Buscar | Acesso